“Para quando penas de prisão para estas vagabundas?”, afirmou Quintino Aires em relação a Rúben Semedo, suspeito de ter violado uma adolescente de 17 anos.

O internacional português alegou de imediato inocência e que seria um esquema para lhe sacarem dinheiro e acabou libertado sob fiança de 10 mil euros.

Os exames forenses confirmaram que tiveram relações sexuais, mas sem lesões compatíveis com abusos.

Entretanto, a jovem foi apanhada a chantagear o jogador: “Dá-me 15 mil euros ou vais para a prisão“, mensagem esta foi muito importante para o tribunal.

Quintino Aires, pronunciou-se através do Facebook: Portanto, a senhora havia pedido dinheiro, e o exame médico refere que houve sexo mas sem sinais de violação. Claro que devemos aguardar o resultado do julgamento.

Mas na sequência de outros casos semelhantes, quero expressar que considero tão hediondo o crime de violação quanto o crime de falsa acusação de violação. E por isso, para quando penas de prisão igualmente duras para estas vagabundas?, disse.

Quem se irritou com o termo vagabunda, poderá escolher [email protected], mas eu prefiro o primeiro. Um bom dia a todos, frisou.