Militar ucraniano que disse “vão-se f*der” na ilha de Zmiinyi regressou a casa. Roman Hrybov, foi um dos 13 ucranianos que deram essa resposta a um navio russo, que lhes disse para se renderem.

O jornal The Guardian revelou a mensagem que dizia: “Isto é um navio militar russo. Sugerimos que baixem as armas e se rendam para evitar o derramar de sangue e vítimas desnecessárias. Senão, disparamos”. Roman Hrybov respondeu de forma direta: “Navio militar russo, vão-se f*der”.

O ministério dos Negócios Estrangeiros da Ucrânia confirmou que os soldados estavam vivos, mas foram presos pelas forças russas. Agora em liberdade, o militar foi condecorado pela sua audácia. 🏅

Podes ver o momento a. seguir: