Um jovem PSP de 37 anos colocou termo à vida, de acordo com informação do “Movimento Zero”nas redes sociais: “O Movimento Zero quer deixar as mais sentidas condolências a toda a família e amigos do nosso camarada da PSP, do Comando de Viseu, Élio Quinteiro, que no dia de hoje, pôs termo á sua vida. ATÉ SEMPRE CAMARADA!”, lê-se.

Élio Quinteiro terá se suicidado junto ao Campo de Futebol de Ranhados

O “Movimento Zero” dá conta das fracas condições trabalho das forças de segurança portuguesas, o que traz como consequências elevadas taxas de suicidio naquela profissão.

“Não podemos permitir que o desrespeito, a desconsideração e desvalorização por parte de quem nos tutela, NOS CONTINUE A MATAR! Temos de AGIR!”, disseram ainda na sua rede social Facebook.