Iara Dias deu um estouro a Gonçalo Quinaz! Ela referiu que engravidou e foi pressionada a abordar por Quinaz.

“Após ter publicado tudo o que publiquei a respeito do Quinaz, há dois ou três dias que não durmo de consciência tranquila, porque tudo aquilo que foi dito não corresponde à total verdade“, começou por dizer.

Naquele momento sentia-me nervosa, irritada, pois tinha influenciada e pressionada por terceiros contra ele durante algum tempo. Existem pessoas do passado dele que o querem abater e só me usaram para o atingir, referiu.

Da mesma forma que o denegri publicamente, estou aqui a dar a cara para assumir o meu erro, pois não atingi apenas o Quinaz, atingi pessoas também próximas dele. Pois ninguém merece passar por isto injustamente. Peço desculpa, Quinaz“, apontou.

Ela ainda disse, “Expliquei-me mal, mas nada do que disse era mentira. Apenas errei em ter exposto tudo, porque magoei pessoas que não queria ao fazê-lo“.

À revista TV7 Dias desta semana, Iara revela toda a verdade: “O Gonçalo e o primo dele estiveram aqui à porta de casa dos meus pais, porque ele queria falar. (…) O Gonçalo ligou para o filho mais velho, o Martim, que estava a chorar, a dizer que já não ia à escola por causa do que eu tinha feito, que sentia vergonha e a pedir-me se eu podia pedir desculpa ao pai dele pelas redes sociais. E foi isso que aconteceu. O texto que foi escrito e publicado não fui eu a escrever. Foi o Gonçalo que escreveu“.

A jovem mantém a sua versão dos factos:Quando lhe contei, ficou um bocado stressado, porque não queria ser pai. Quem teve a ideia do aborto primeiro fui eu. Eu disse que ia abortar, fiz o procedimento, ou seja, tomei a medicação, mas não resultou. Mais tarde, descobri que ainda estava grávida. Depois de ter feito a ecografia foi quando o Gonçalo e a mãe me pressionaram“.

Iara Dias fez o aborto em Espanha a 22 de novembro de 2021. Arrependo-me tanto de ter conhecido aquela família“, garantiu.