De acordo com o site do Sindicato Independente dos Médicos, ao mesmo tempo que o Governo injectou 430 milhões para o Novo Banco, para a ala Pediátrica do CHSJ,  falamos apenas de 24 milhões.

O Estado injectou 430 MILHÕES de euros no Novo Banco e o Ministro das Finanças admite que podem ser injectadas mais centenas ou mesmo MILHARES DE MILHÕES de euros nesse banco.

Por outro lado, o Ministro da Saúde vem dizer que 24 milhões de euros é o que o Governo irá subsidiar para a ala pediátrica do Hospital de São João.

Para além disso, esses 24 milhões não podem ser geridos de uma forma intempestiva e “estas decisões têm de ser suportadas em avaliação efetiva dos projetos, das propostas e dos investimentos que estão envolvidos”, justificando assim o facto de as verbas continuarem por desbloquear.

Em 2017, António Costa dizia que o Novo Banco “não acarreta encargos para os contribuintes”, assumindo que nem o Estado, nem o Fundo de Resolução, assumiriam qualquer garantia e que os contribuintes não teriam custos acrescidos com a alienação do banco que ficou com os activos bons do antigo BES.

FONTESindicato Independente dos Médicos:
Partilha
Loading...