Faleceu Nini, a jovem que lutava contra uma leucemia. Inês Pinto, conhecida como Nini, aos 18 anos, neste domingo.

Ela travou uma batalha contra a leucemia mieloblástica aguda e ganhou notoriedade ao abordar sua jornada com a doença e quebrar tabus sobre a morte nas redes sociais.

A confirmação do óbito foi feita através da conta de Instagram de Nini. Com o nome de utilizador @Amorrercomigo, ela se descrevia como “a menina de 18 anos que venceu a leucemia de uma forma diferente”, ao aceitá-la e encontrar beleza em cada dia. A sua biografia tinha escrita a seguinte frase: “A doença é vencida quando a aceitamos”.

Nini era uma grande fã do FC Porto e do futebol em geral, e partilhou o seu fascínio por esse desporto durante a sua trajetória na Internet. O clube prestou uma homenagem partilhando um vídeo no Twitter, no qual Nini marca um golo e celebra com a equipe do FC Porto. É um momento que reflete sua paixão e envolvimento com o clube.

Sérgio Conceição, treinador do FC Porto, utilizou o Twitter para enviar uma mensagem a Nini. Ele escreveu: “Quero acreditar que te demos um pouco de brilho nesta tua passagem entre nós, que foi curta demais. Enquanto estiveste connosco, o teu sorriso pôs-nos também a sorrir, percebendo a sorte que temos de termos algo tão simples como a saúde. Obrigado pela lição Nini, até sempre!”

É importante ressaltar que Nini tinha uma comunidade significativa nas redes sociais, contando com mais de 19,4 mil seguidores no Instagram e 36,4 mil no TikTok. A sua presença online permitiu que ela partilhasse a sua história e inspirasse muitas pessoas ao longo do caminho.