Ninguém da equipa de Bolsonaro sabe falar inglês, nem o tradutor.

Jair Bolsonaro tem sido falado por diversos motivos. A mais recente cena caricata é a incompetência de um governo até para versões básicas do português para o inglês, com erros básicos.

Critério básico para qualquer governo que participa de um Fórum internacional, a proficiência bilíngue foi deitada no caixote do lixo por um governo que mal arranha o próprio português. O governo brasileiro traduziu “voltem a florescer” para “come back to bloom”. O correto seria “bloom again”.

O facto de nem o tradutor saber falar inglês é alarmante. Outros presidentes também não sabiam falar inglês e isso não é problema algum, mas todos sempre tiveram tradutores.

No governo Bolsonaro só entram amigos, mesmo que não tenham qualificação nenhuma para o emprego.

A imprensa mundial já começa a fazer troça do Brasil e dos brasileiros pela escolha de um presidente como Bolsonaro, que envergonha o país na frente do mundo inteiro. Não é a primeira vez: o presidente da Apex indicado por Bolsonaro (órgão do Itamaraty), cujo trabalho é basicamente falar com empresários estrangeiros, também não sabia falar inglês e teve de ser demitido menos de uma semana após assumir o cargo.

Loading...