CR7 perdeu cerca de dez milhões de euros em negócio, ou seja, um apartamento que tinha na Trump Tower em Nova Iorque.

O jogador vendeu o mesmo no passado, pelo valor de 6,3 milhões de euros, quando o adquiriu em 2015 pela módica quantia de 16,2 milhões de euros.

O apartamento possui 762 metros quadrados, tem nove divisões, três casas de banho e uma deslumbrante vista para o Central Park e para os arranha-céus da zona de Midtown Manhattan.

Aparentemente, a localização do luxuoso apartamento prejudicou a venda, já que estando inserida na Torre Trump, não possui boa reputação do proprietário, ou seja, o ex-presidente norte-americano, Donald Trump.