Era vez uma mulher de seu nome Josélia que estava cansada do seu casamento até que um dia o seu filho apanhou o pai com a irmã de Josélia e ela quis divorciar-se dele.

Infelizmente o marido dela não se queria divorciar. Até que a mulher decidiu ir ao tribunal, e quando lá chegou disse:

– Senhor Juiz, eu quero divorciar-me do meu marido!

-Muito bem, mas onde está ele?

– Sabe é que ele não se quer divorciar de mim! Eu…quer dizer… o meu filho apanhou o meu marido com a minha irmã! -disse ela.

– Então nesse caso tem de me trazer o seu filho ao tribunal e depois eu decido!

No dia seguinte a mulher levou o seu marido e o filho deles ao tribunal. E quando lá chegaram o juiz disse:

Também vais gostar destes:
Loira chega na loja de eletrodomésticos – ANEDOTA
Depois de me aposentar, fui até à Segurança Social – ANEDOTA

Então o que é que tu viste meu filho?

O filho, como tinha algum pudor com determinados assuntos explicou:

– Sabe senhor Juiz eu apanhei o meu pai com a minha tia a fazerem aquilo que a minha mãe fez com o meu tio quando o meu pai estava na tropa…

Partilha
Loading...