A avó de Sara Norte ameaçou com processo: “Aguardem a visita do meu advogado”. Eugénia Gaspar foi notícia esta semana em toda a imprensa nacional pelas fortes críticas dirigidas a Cristina Ferreira e não gostou dessa exposição.

A avó de Sara Norte afirmou que «Essa senhora Cristina só vai ficar satisfeita eventualmente ao ficar só ela à frente de uma TVI destruída! O que se lamenta e muito pelas boas pessoas competentes despedidas ou levadas a isso por não poderem suportar tanta humilhação e pela TVI que já foi um bom canal!».

Perante isso, Eugénia Gaspar comentou na mesma publicação: «A revista FLASH, alguém de lá teve o descaramento de aqui entrar [no Facebook], copiar este comentário, isso é o menos embora pedir licença será educado. Retirou não sei de onde (só pode ter aqui ido ao meu álbum e publicou em foto no Correio da Manhã)».

«Antes de ser mãe da minha falecida e saudosa filha Carla [Lupi] e avó de dois netos [Sara e Diogo Norte], chamo-me Eugénia Gaspar, um nome honesto, daí já ter pedido ao advogado para tratar do assunto, pois tenho uma providência cautelar desde a lei que permitia aqui vir retirar fotos ou onde quisesse ou em outra rede social», explicou.

«Aguardem a visita do meu advogado, pois de luto e doente, a comprovar desejo que não façam a ninguém nada semelhante. E não arrasei a senhora Cristina, apenas comente o que provarei em tribunal, as pessoas que tem despedido por se imaginar a dona da TVI e logo agora na fase de doença e morte que Portugal atravessa!», referiu.

Eugénia Gaspar garantiu ainda que, desde a morte da filha, que nunca mais comprou revistas cor-de-rosa, «mas pessoas amigas me avisaram e se ofereceram amigos e amigas para testemunharem contra vós, a revista que teve este atrevimento que felizmente tinha acautelado para todas as pessoas, mas a vossa revista foi a única».

Em conclusão, Eugénia Gaspar mostrou-se descontente: «Tristeza terem que vir aqui tirar notícias particulares de amigas para amigas e amigos, mas devem ir às vendas! Vergonhoso! E o assunto que o mundo fala com revolta, pois mandar colegas para o desemprego é realmente mau demais! Tal como vossa atitude, entrarem aqui como ladrões ou ladras! Coisa feia! Podiam ter falado comigo se fossem pessoas educadas!».

Uma internauta não foi de meias medidas e respondeu: «E se guardasse a sua opinião para si sobre a dona Cristina Ferreira? Fala de coisas que não sabe e fica ofendida que a revista lhe ‘roubasse’ um comentário maldizente! É preciso ter lata!».